Dicas simples e fashion de looks masculinos

Aprenda a manter o estilo gastando pouco e mantendo a personalidade

 

A ideia de que homens devem se vestir sempre optando pelo básico ou usando apenas camisetas de time já não funciona em 2022.

Existe uma gama de acessórios e peças voltados para o público masculino, que vão desde meias exóticas de diferentes tamanhos a chapéus, jaquetas e kilts (um modelo de saias que tem se tornado bastante popular).

Melhor ainda é quando são roupas com desconto, afinal, economizar também está na moda. 

Por isso, temos dicas incríveis, divididas por estações, para você se manter fashion, sem ter muito trabalho.

Camisetas 

Aposte em modelos com golas que sigam um mesmo padrão, mas varie as cores. As pessoas não prestam muita atenção em roupas básicas e lisas, mas estampas podem ser notadas, dificultando a criação de novas composições.

Se seu objetivo é economizar, pense sempre em peças que combinem com aquilo que você já tem no guarda-roupa.

Isso não significa abandonar outros modelos de camisetas, como polo ou as que têm gola V, por exemplo, mas se chamam muito a atenção, serão facilmente notadas quando repetidas.

Camisas

Xadrez, linho, seda, tons terrosos ou sociais. Camisas são sempre bem-vindas, pois servem para eventos mais formais ou informais. No verão ou na primavera, é melhor optar pelas camisas de manga curta.

As de manga longa podem vir sob suéteres ou podem ser usadas sem sobreposições. Se estiver calor ou quiser fugir da formalidade, vale dobrar as mangas até a altura do cotovelo ou abrir os botões.

Linho, seda ou viscose são ótimos para combinações mais terrosas e as camisas podem ser vestidas com ou sem camiseta embaixo.

Dobrar as mangas duas ou três vezes pode dar uma diferenciada na peça, além de destacar os bíceps e tríceps, podendo dar um tom mais viril e jovial.

Shorts

Assim como as meias, os shorts também podem ser bastante exóticos, com estampas psicodélicas, personagens ou até com tecidos que mudam de cor quando molhados.

Se for da mesma estampa que as camisas, podem resultar conjuntos bastante interessantes. Inclusive, os conjuntos voltaram com tudo nos últimos anos.

Calças

Saia da obviedade do jeans. Aposte no linho, na viscose e em cortes de alfaiataria. 

As calças, dependendo do modelo, ajudam a alongar o corpo e, a depender da cor ou do restante da combinação, podem ficar mais ou menos formais. Funcionam com sapatos, sandálias e alpargatas. 

Sarja, camurça, soft e moletom também são peças-chave para se ter no guarda-roupas.

Arrisque cores como bordô, azul marinho e mostarda. Elas dão muito certo, inclusive, com camisetas nas cores branco e preto.

Blusas de moletom e jaquetas

Combinadas entre si, caso esteja frio, ou usadas separadamente, todo homem precisa de pelo menos uma jaqueta (seja o material que for: jeans, courino ou camurça) e uma blusa de moletom.

Essas peças são coringas para eventos do dia a dia e podem ser facilmente transportadas, protegendo-nos dos imprevistos climáticos que enfrentamos.

Shoulder Bag

Além de servirem como objeto para guardar os pertences, as shoulder bags (bolsas de ombro) podem ser o acessório que vai tornar o look excepcional.

Com diferentes formas, cores e estampas, são a própria cereja do bolo que, se usadas em uma composição básica ou monocromática, podem ter a atenção voltada a elas.

Bucket

Também conhecido como chapéu de balde, os buckets também são bastante populares. Quando usados em conjunto com as shoulder bags, fazem uma dupla e tanto.

Eles são encontrados com cores, estampas e bordados diferentes e, por possuírem um preço acessível, podem resultar em ótimos looks.

Sandálias 

Para as sandálias, há diferentes modelos no mercado, com materiais veganos ou couro, cores fluorescentes ou foscas. Se você optar por uma composição mais básica, a sandália mais exuberante pode ser a peça-chave do look.

Tênis

No caso dos tênis, há uma imensidão de opções que podem ser levadas em consideração, isso sem contar com os cadarços, que podem chamar bastante a atenção. Há também quem opte por comprar tênis básicos e customizá-los.

Independente da escolha, o importante é deixar sua marca registrada.

Turbine seu guarda-roupa sem precisar exagerar na quantidade de peças. Leve sempre em consideração as roupas que já tenha, para que as novas possam contribuir na composição, sem que você precise comprar muitas peças mais.