MQL: entenda como funciona e saiba qualificar leads

Quem trabalha com marketing ou é dono de uma empresa sabe a importância de ter leads que sejam qualificados. Atrair as pessoas para o seu negócio que atua com estruturas metálicas pode ser vantajoso, mas desde que eles realmente estejam interessados. 

Muitos leads que foram coletados não possuem o real interesse no seu negócio, não gerando conversão, e até mesmo acarretando em prejuízo de tempo e investimento, por este motivo, quanto mais você qualificá-los e selecioná-los a dedo, maior a chance do seu sucesso. 

E é exatamente neste ponto que entra o MQL. Essa é uma estratégia que vem crescendo cada vez mais e sendo adotada com mais frequência pelos profissionais da área. 

Mas você sabe como ela funciona? O que ela significa? Ou como ela pode qualificar seus leads? No texto de hoje, falaremos tudo sobre ela, vamos conferir? Tenha uma ótima leitura!

O que significa o MQL?

A sigla MQL nada mais é do que a abreviação para Marketing Qualified Lead, ou seja, Leads Qualificados para o Marketing, em uma tradução para o português. 

Sendo assim, o MQL representa os Leads que possuem a maior probabilidade de conversão, sendo aquelas pessoas que já consumiram seus conteúdos e que já tiveram alguma interação com a sua empresa, demonstrando engajamento e uma flexibilidade maior para consumir sua oferta. 

Se você filtrar e ver os leads que baixaram seu e-book sobre disco diamantado, usaram a sua planilha, assistiram seu webinar, leram seu texto de blog, comentaram e compartilharam suas publicações, entre outras ações, saiba que esses são seus MQLs.

Como ele funciona?

Bom, agora que você já sabe o que significa o MQL, ficou mais fácil de entender como ele funciona, certo? Na realidade, é bem simples, são os leads que realizaram algum tipo de interação, engajamento ou que possuem um contato recorrente com a sua empresa. 

Qualquer pessoa que dê esse passo a mais de não apenas ceder seu contato, mas também de consumir seu conteúdo, demonstra o mínimo de interesse e aumenta relativamente, a probabilidade de consumir seu conteúdo. 

Sendo assim, verifique em sua base de contatos, os leads que estão executando determinadas ações e os separe em uma lista especial, esses são os seus MQLs.

Como qualificar os leads?

Existem várias formas de você qualificar os seus leads, o primeiro passo é conhecer profundamente o seu cliente ideal, e ter uma noção do perfil de pessoa que consome os seus produtos e possa ser um lead em potencial. 

A partir do momento que você define e entende sobre sua persona, você consegue produzir conteúdos que fujam um pouco do básico. 

Procure oferecer algo de valor, interessante e que realmente esteja bem alinhado com os objetivos da sua empresa, quanto mais específico você for falando sobre sua limpeza de fossa, maior a probabilidade de atrair pessoas realmente interessadas. 

Além da qualidade, os conteúdos também devem ser entregues de acordo com as etapas do seu funil de vendas, ou seja, entregue informações diferentes para alguém que teve o primeiro contato com a sua empresa e quem já está lá há algum tempo. 

Por fim, utilize o lead scoring que te ajuda a classificar seus leads a partir de critérios de pontuação, e também analise os dados coletados e faça uma varredura completa sobre cada etapa do seu funil, isso te ajuda a personalizar estratégias e conhecer de perto quais são os seus MQLs. 

Agora conte para a gente nos comentários abaixo, o que achou sobre o texto de hoje? Se gostou, não se esqueça de compartilhar com seus amigos e nas suas redes sociais, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.